Essa noite sonhei com palavras
e as palavras revelaram-me dizeres
e os dizeres eram certos
como o sol que se levanta no pós-dia

Havia um campo de flores
eram assim umas tantas
coloridas
e havia uma mulher
de cabelos longos
e negros

Ela sorria e
ao sorrir
dizia-me um sem número de vidas
e eu também sorria

Sim
ela estava longe
mas meu espírito podia tocá-la
e meu espírito era envolvido pelo dela

“Não se pode antever o céu” – sussurrou-me
“mas é possível conquistá-lo” – completei
de ouvidos que entendiam

a brisa suave e fria da manhã
fez tremer as janelas

renasci

Sobre Arthur IV

Inquieta mente | crente | descrente... Ver todos os artigos de Arthur IV

Uma resposta para “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: